A pesquisa surgiu há mais de 20 anos em parceria com Maria Paula Jannuzzi Hermann (in memoriam) da necessidade de unir corpo e alma, dança e consciência, arte e psicoterapia.

 

O conceito nasceu da união do psicodrama com a dança. O psicodrama é uma teoria da psicologia cujo principal conceito, criado por Jacob Levi Moreno, é a espontaneidade definida como a capacidade de dar novas respostas a situações antigas e/ou novas com a convicção de que quanto mais espontâneo e criativo em suas relações, mais saudáveis os seres humanos se tornam.

 

Moreno refere-se à dança como um método para explorar estados de espontaneidade e também é um eficiente iniciador de processos criativos e de transformação do indivíduo na sociedade.

 

A Dança Espontânea tem como propósito gerar um estado de presença no qual o Ser em movimento expressa sensações, sentimentos e imagens da sua memória corporal. Ele é o criador e o intérprete da dança.

 

A pesquisa de OTilia Françoso, dançarina, psicóloga e psicodramatista, sobre Dança Espontânea comemora mais de 20 anos de uma relação entre o psicoterapêutico e o artístico e teve como base trabalhos científicos e atividades socioculturais apresentados em Congressos de Psicodrama.

© 2015 por Cia Mulheres em Movimento www.ciamulheresemmovimento.com.br

Criado por Renata Lopes